Início Notícias "Produzimos muito a nível ofensivo e isso deixa-me satisfeito"

"Produzimos muito a nível ofensivo e isso deixa-me satisfeito"

Sérgio Conceição esteve, este sábado, em conferência de imprensa para fazer a antevisão ao jogo do FC Porto frente ao Vitória SC, agendado para amanhã, domingo, e referente à 12.ª jornada da I Liga. 

Sistema tático do Vitória SC: “Cada jogo tem a sua dinâmica. A preparação do jogo é igual e depois olhamos para o adversário. O Vitória SC tem jogado em 4x3x3, com dois extremos muitos capazes de criar situações de um para um. Têm um homem na frente que joga bem e que é uma referência para aproveitar a ligação com alas. O meio-campo tem experiência e os laterais ofensivos. É uma equipa interessante e com alguns jogadores com experiência e irreverência. O que nos interessa é olharmos para nós. Se o adversário apresenta uma linha de quatro, cinco ou seis… Temos de olhar para a nossa equipa e adaptar a nossa ideia de jogo. Temos de olhar para todos os momentos.” 

Fábio Cardoso vai jogar amanhã: “Há grande probabilidade de tal acontecer.”

Tecatito: “Hoje não me apetece falar do individual. Temos que falar do coletivo e do jogo que amanhã temos pela frente. Ia dizer aquilo que já disse. Precisamos que ele jogue mais e que jogue mais tempo.” 

Lesionados: “Estão todos os dias aqui… Ainda não há data de regresso. O Marcano foi operado. O Pepe e o Francisco vamos avaliando todos os dias. Mas não há nenhum período de tempo.” 

Segunda ameaça Covid-19: “A mim preocupa-me a minha família desportiva aqui no Olival e a minha família de sangue em casa. Ontem no jogo do Moreirense-Gil Vicente a entrada dos jogadores foi uma manifestação de alerta para as pessoas. Infelizmente, isto ainda não acabou e nós temos de ser o máximo cuidadosos. Esse lado mais político da coisa… Isso é da responsabilidade da DGS.” 

Melhor ataque do campeonato, mas falta de eficácia no campeonato: “Eu ficaria preocupado se a equipa não criasse oportunidades. Claro que era melhor ser mais eficazes. Tivemos algumas ocasiões nesta fase de grupos da Liga dos Campeões. A equipa produz muito a nível ofensivo e isso deixa-me satisfeito. Temos algumas nuances que nos fazem ser diferentes dos anos anteriores.” 

Taremi mais recuado: “Não queria entrar por aí. Sinceramente, hoje é um dos dias em que não me apetece falar de nenhum jogador em especial.”

Centrais com problemas físicos: “Temos de ser inteligentes e criativos perante uma posição na equipa onde não se pode inventar muito, na minha opinião. Há jogadores que podem disfarçar a ausência de centrais, mas não é o cenário ideal. Temos dois centrais lesionados e sobram outros dois centrais. Temos que trabalhar noutras situações para estarmos preparados caso apareça mais alguma baixa.” 

Vitória SC: “Nós colocamos o foco na nossa equipa, mas claro que olhamos para a valia do adversário. O Vitória SC é um clube histórico e tem sempre uma paixão incrível dos adeptos. É sempre uma equipa complicada para defrontar. Ano após ano, o Vitória SC é uma equipa competitiva e que exige muito aos adversários. Esperamos um Vitória SC dentro desse registo.”