Início Mundo Negociador iraniano chegou a Viena ante de se retomarem as conversações

Negociador iraniano chegou a Viena ante de se retomarem as conversações

 

“A liderar a delegação, o vice-ministro dos Negócios Estrangeiros [iraniano], Ali Bagheri, chegou a Viena […] para participar na reunião da comissão conjunta do acordo nuclear iraniano”, informou a agência.

As negociações, suspensas desde junho, devem ser retomadas na segunda-feira na capital austríaca, tendo de um lado o Irão, e Alemanha, China, França, Reino Unido e Rússia do outro, para salvar o acordo nuclear com Teerão em 2015.

Os Estados Unidos devem participar indiretamente nas discussões. 

O acordo previa limitar significativamente o programa nuclear iraniano em troca de uma flexibilização das sanções económicas. 

Os Estados Unidos retiraram-se unilateralmente em 2018 e reintroduziram sanções, acusando Teerão de tentar adquirir armas atómicas sob pretexto de um programa nuclear civil. 

O Irão, por sua vez, tem desde então abandonado gradualmente os seus compromissos. 

Na sexta-feira, o ministro dos Negócios Estrangeiros iraniano, Hossein Amir-Abdollahian, afirmou que seria possível chegar-se “imediatamente a um acordo” se “as outras partes estiverem prontas para cumprir as suas obrigações e suspender as sanções”.

O chefe da diplomacia iraniana pediu também “uma garantia séria e suficiente” de que os Estados Unidos não abandonarão o acordo. 

No mesmo dia, Teerão acusou a Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA), responsável pelo monitoramento do programa nuclear do Irão, de “tratamento discriminatório”, poucos dias depois de receber o diretor-geral da organização, Rafael Grossi.

Leia Também: Alto responsável iraniano visita Emirados Árabes Unidos e Kuwait