Início Notícias Wall Street fecha em baixa após Reserva Federal rever inflação em alta

Wall Street fecha em baixa após Reserva Federal rever inflação em alta

Os resultados definitivos da sessão indicam que o índice seletivo Dow Jones Industrial Average recuou 0,77%, para os 34.033,67 pontos, o Nasdaq perdeu 0,24%, para as 14.039,68 unidades, e o alargado S&P500 cedeu 0,54%, para as 4.223,70.

A evoluir próximo do equilíbrio na primeira parte da sessão, a bolsa caiu depois da reunião de política monetária da Fed.

Esta estimou que a inflação vai ser de 3,4% nos EUA em 2021, acima dos 2,4% previstos em março.

Por outro lado, uma maioria dos participantes na reunião estimou que as taxas de juro de referência, que estão entre zero e 0,25%, deveriam ser elevadas por duas vezes em 2023, para compensar a recuperação da economia norte-americana.

Durante a conferência de imprensa, o presidente da Fed, Jerome Powell, tratou de relativizar a importância destas opiniões, lembrando que deveriam ser “consideradas com pinças”, o que teve por efeito limitar as perdas bolsistas na praça nova-iorquina.

Powell também insistiu que a inflação era transitória e que deve estabilizar em 2,1% em 2022 e em 2,2% em 2023.

Para Art Hogan, da National Holdings, a posição do banco central norte-americano “aproxima a Fed de onde já está Wall Street, no que respeita às taxas diretoras, e foi por isso que a reação negativa foi contida”.

No mercado obrigacionista, o rendimento da obrigação do Tesouro norte-americano a 10 anos estava em 1,5720%, acima dos 1,4922% de terça-feira à noite.

Entre as ações do dia, o ‘papel’ da General Motors valorizou 1,56%. O construtor automóvel anunciou hoje que tenciona aumentar os investimentos em veículos elétricos e autónomos, em 30% até 2025, para os elevar a 35 mil milhões de dólares.

Entre os indicadores económicos, o lançamento de obras de construção de casas novas nos EUA recuperou em maio, depois de uma forte queda em abril, mas menos do que previsto, com o setor a continuar a sentir dificuldades de aprovisionamento, segundo as estatísticas do Departamento do Comércio, divulgadas hoje.

Leia Também: Wall Street a negociar mista à espera de resultados da reunião da Fed