Início Notícias Faturação dos ginásios sofre queda de 40% em 2020, revela estudo

Faturação dos ginásios sofre queda de 40% em 2020, revela estudo

A faturação dos ginásios em Portugal atingiu os 175 milhões de euros em 2020, o que corresponde a um recuo de 40% face aos números de 2019, de acordo com um estudo da Informa D&B. 

Apesar de as perspetivas para este ano serem mais animadoras, o confinamento no arranque do ano não ajuda às contas: 

“Embora as previsões apontem para uma recuperação significativa na faturação dos ginásios em 2021, o seu crescimento será limitado pelo prolongamento da crise sanitária nos primeiros meses do ano e pelo seu impacto negativo no emprego e nos rendimentos disponíveis das famílias”, revela o mesmo estudo. 

Para o ano seguinte, contudo, as perspetivas são outras. 

“Em 2022, num cenário de previsível imunização da maior parte da população portuguesa e europeia e de eliminação das restrições sanitárias, é expectável uma aceleração do crescimento, embora o volume de negócios setorial fique ainda aquém do registado em 2019”, de acordo com o mesmo estudo. 

Leia Também: Taxa de inflação acelera para os 1,6% na zona euro e 2,0% na UE em abril