Início Tecnologia WarnerMedia e Discovery anunciam fusão para rivalizar Netflix e Disney+

WarnerMedia e Discovery anunciam fusão para rivalizar Netflix e Disney+

 

Mais de 200 mil horas de programação da HBO, CNN, Warner Bros. e até da DC Comics, para os aficionados em super-heróis. É com este ‘leque’ que a próxima plataforma de ‘streaming’ resultante da fusão dos dois grupos poderá apresentar-se ao público.

O acordo, anunciado hoje pela empresa de telecomunicações norte-americana AT&T — que há três anos adquiriu a Time Warner a converteu na WarnerMedia -, foi apelidado de uma maneira de “criar um novo líder global de entretenimento” e que vai ser chefiado pelo diretor executivo da Discovery, David Zaslav.

A fusão ainda tem de receber ‘luz verde’ dos reguladores norte-americanos e acionistas dos dois grupos, por isso, apenas deverá estar concluída em meados de 2022, dá conta um comunicado conjunto da Discovery e da AT&T.

De acordo com as informações divulgadas, a transação foi aprovada por ambas as partes e a AT&T vai receber 43 mil milhões de dólares através de uma combinação de efetivos, títulos de dívida e retenção de parte da dívida da WarnerMedia.

A primeiras projeções desta fusão, para 2023, preveem 52 mil milhões de dólares (mais de 42 mil milhões de euros) e receitas de 14 mil milhões de dólares (mais de 11 mil milhões de euros), resultado de sinergias para “incrementar” a produção de conteúdos e a “inovação digital”.

 

Leia Também: Netflix confirma novo filme de ‘Enola Holmes’