Início Notícias CTT aprovam programa de recompra de ações próprias

CTT aprovam programa de recompra de ações próprias

“[…] Na reunião do Conselho de Administração da sociedade realizada hoje, foi deliberado por unanimidade aprovar a implementação de um programa de recompra de ações próprias dos CTT”, lê-se no comunicado remetido à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

A implementação deste programa, segundo o mesmo comunicado, vem na sequência da aprovação da proposta da Comissão de Vencimentos dos Correios da política de remuneração e do plano de atribuição de opções aos administradores executivos sobre ações representativas do capital social.

Por outro lado, tem em conta a intenção da Administração da empresa de pôr em prática um programa de atribuição de opções, sobre ações representativas do capital, destinado a quadros dirigentes dos CTT.

O programa de recompra, que durará seis meses, vai ter início esta terça-feira e decorre até 18 de novembro, “sem prejuízo de terminar em data anterior caso o número máximo de ações a adquirir ou o montante pecuniário máximo do programa sejam atingidos”.

O número máximo de ações ordinárias a adquirir, no âmbito deste programa, foi fixado em 1,5 milhões, que corresponde ao número de títulos necessários para fazer face à liquidação das opções atribuídas ao abrigo do plano da administração, “bem como das opções cuja atribuição ao abrigo do programa de quadros dirigentes está prevista pelo Conselho de Administração, sempre sujeita ao limite correspondente a 10% do capital social dos CTT, atualmente correspondente a 15 milhões de ações ordinárias da sociedade”.

No entanto, este número pode ser ajustado no futuro, nomeadamente, em função da atribuição de novas opções.

A contrapartida mínima e máxima, por seu turno, situa-se no intervalo de 10% relativamente à cotação das ações da sociedade no mercado no fecho da sessão “imediatamente anterior” à data de compra ou à constituição do direito de aquisição ou de atribuição de ações.

Adicionalmente, não deverá ser superior “ao mais elevado de entre o da última operação independente e o da oferta independente de maior montante ao tempo da aquisição no mercado regulamentado Euronext Lisbon”.

O montante pecuniário máximo do programa de recompra é de até 8,25 milhões de euros.

Na sessão de hoje da bolsa, as ações dos CTT ficaram inalteradas em 3,94 euros.

Leia Também: Clientes IKEA podem receber encomendas até 25 quilos nos pontos CTT