Início Mundo AO MINUTO: Portugal abre portas a britânicos; 80% contra Jogos Olímpicos

AO MINUTO: Portugal abre portas a britânicos; 80% contra Jogos Olímpicos

Portugal pode começar a receber, a partir de hoje, turistas britânicos, naquele que será um novo impulso ao turismo nacional. O Reino Unido inicia hoje uma nova etapa de desconfinamento e que abre portas a viagens para fora do país, sem a necessidade de se cumprir quarentena no regresso. Portugal faz parte da lista de 12 países para onde os britânicos podem agora viajar, com a região do Algarve a ser o destino predileto destes turistas.

A chegada de novos turistas ao país acontece após um fim de semana de novos recordes na vacinação em Portugal. Só no sábado, foram administradas 129 mil doses de vacinas, naquele que é “um novo recorde diário”, afirmou fonte da task force.

Apesar das boas notícias, há regras que continuam a ser exigidas. Por exemplo, a questão da dispensa de máscara para as pessoas já vacinadas não é uma opção, segundo defendeu este fim de semana o secretário de Estado Adjunto da Saúde. “Tomámos a decisão de, mesmo após vacinação, manter a máscara, manter distanciamento e, portanto, manter as diretrizes da Direção-Geral da Saúde (DGS)”, afirmou António Lacerda Sales, considerando não haver “ainda robustez científica naquilo que é a possibilidade de transmissibilidade [do vírus], nomeadamente nos assintomáticos”.

Pode consultar nestes mapas interativos a evolução da pandemia de coronavírus em Portugal e no mundo

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no mundo: 

08h40 – Testes da vacina da Sanofi-GSK mostram eficácia do composto. Os testes preliminares da vacina contra o covid-19 da Sanofi e GalxoDmithKline demonstraram eficácia nos grupos de adultos inoculados pelos cientistas responsáveis pela Fase 02 do processo. 

08h05 – Risco de hospitalização é de apenas 0,06% após a vacinação. Um estudo observacional, conduzido pelo Indraprastha Apollo Hospital, de Delhi, descobriu que mais de 97 por cento das pessoas totalmente vacinadas estavam protegidas da infeção pelo novo coronavírus e a probabilidade de hospitalização após a vacinação era de apenas 0,06 por cento.

07h55 – Julho sem máscaras? O virologista Pedro Simas explicou que o recuo no uso de máscara obrigatória deverá ocorrer quando for atingida imunidade populacional em Portugal de 60%, sendo que, neste momento, deverá encontrar-se entre os 45 e os 50%.

Tendo em conta que, neste momento, Portugal já deve estar com 45 a 50% de imunidade populacional – “o que já é um muro muito alto de proteção” -, Pedro Simas previu que antes do mês de julho deste ano, as pessoas já deverão poder deixar de usar máscaras. 

07h44 – Dados atualizados da Índia:  Índia registou 281.386 casos de covid-19 nas últimas 24 horas, ficando abaixo dos 300 mil diários pela primeira vez em 25 dias, mas contabilizou novamente mais de quatro mil mortos num dia, foi hoje anunciado.

07h37 – Dados atualizados da Alemanha: A Alemanha registou, nas últimas 24 horas, mais 64 mortos e 5.412 novos casos de Covid-19. Em termos acumulados, o país soma agora 86.160 vítimas mortais da doença e 3.598.846 infetados, desde que a pandemia teve início.

07h35 – Marcelo Rebelo de Sousa visita Cabo Verde. A visita do chefe de Estado português será de apenas cerca de quatro horas, limitada à cidade da Praia, devido à evolução da pandemia de covid-19 no arquipélago, nomeadamente na capital cabo-verdiana, com recordes quase diários de novos casos da doença.

A visita de Marcelo Rebelo de Sousa a Cabo Verde acontece depois de 24.000 doses de vacinas contra a covid-19 doadas por Portugal terem chegado, na madrugada de sábado, à Praia, além do apoio médico que o INEM vai prestar em hospitais do arquipélago, para reforço da capacidade.

07h30 – Educação deve estar “no centro” dos planos de recuperação pós-pandemia. A Human Rights Watch defendeu hoje que a educação das crianças e jovens deve estar “no centro” de todos os planos governamentais de recuperação pós-pandemia, de forma a responder aos danos provocados pelo encerramento das escolas devido à covid-19.

07h27 – Mais de 80% dos japoneses contra Jogos Olímpicos no país este verão. Este é o resultado de uma sondagem realizada depois de o Governo japonês ter decidido, na sexta-feira, alargar o estado de emergência sanitária a nove regiões do país, que enfrenta uma quarta vaga de infeções com o novo coronavírus que está a colocar o sistema de saúde sob pressão.

07h25 – Reino Unido inicia hoje nova etapa com viagens para Portugal. O Reino Unido inicia hoje uma nova etapa do plano de desconfinamento, incluindo autorização para viajar de férias para o estrangeiro, mas apenas alguns países, entre os quais Portugal, permitem a entrada a britânicos. 

Dos 12 países e territórios da ‘lista verde’ do Governo britânico, que autoriza as viagens por motivos não essenciais e não exige quarentena de 10 dias no regresso, sete não deixam entrar turistas, como Austrália, Nova Zelândia, Singapura, Brunei e Ilhas Malvinas.

07h23 – Autoridades timorenses estimam mais de 50 mil casos em Díli. As autoridades timorenses estimam que Díli pode ter mais de 50 mil infeções ativas do SARS-CoV-2, com a taxa de incidência da covid-19 a crescer 50% na última semana, segundo um relatório hoje divulgado.

07h20 – Dados atualizados da China: A China detetou 25 casos de covid-19, nas últimas 24 horas, incluindo cinco de origem local.

07h10 – Bom dia! Começa aqui um novo registo de acompanhamento sobre os principais desenvolvimentos referentes à Covid-19 em Portugal e no mundo. Recorde aqui os eventos que marcaram o dia de ontem no que diz respeito à evolução da pandemia. 

Leia Também: Portugal regista mais um morto e 334 novos casos de Covid-19