Início Notícias Dois anos depois do incêndio, é assim que está a catedral de...

Dois anos depois do incêndio, é assim que está a catedral de Notre-Dame

Dois anos após o incêndio que destruiu parte da catedral de Notre-Dame, em Paris, a fase de consolidação do edifício está quase concluída, mas as obras ainda deverão demorar alguns anos.

As obras de Notre-Dame têm enfrentado vários imprevistos, como a necessidade de adotar medidas contra a contaminação por chumbo, as interrupções devido à pandemia e o mau tempo no final de 2019, o que causou atrasos e o aumento de custos.

A segurança do edifício, a estabilização da estrutura, a substituição das pedras e a solidificação das abóbadas terá custado 165 milhões de euros.

Nesta altura, um grupo de artesãos está a concluir o restauro das dezasseis estátuas da torre.

A fase de consolidação da catedral deverá estar concluída no verão, mas as obras ainda vão demorar alguns anos. Estima-se que estejam concluídas em abril de 2024, cinco anos após o incêndio.

A catedral encontrava-se em obras de restauro no seu exterior quando, em abril de 2019, deflagrou um violento incêndio que demorou cerca de 15 horas a ser extinto.

A origem acidental do incêndio, um curto-circuito, continua a ser privilegiada, embora a causa do fogo não esteja esclarecida, e os resíduos calcinados deverão ser analisados ao pormenor para detetar o menor indício.

Veja, acima, a galeria de fotografias que mostra como está, nesta altura, o processo de reparação da catedral.

Leia Também: Loucura em Paris a poucas horas do PSG-Bayern Munique