Início Notícias Covid-19. África regista 12.396 novos casos e mais 273 mortes

Covid-19. África regista 12.396 novos casos e mais 273 mortes

De acordo com o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC), o número acumulado de casos nos 55 Estados-membros da organização é hoje de 4.343.062, de que resultaram um total de 115.464 mortes.

O número de recuperados da doença de covid-19 nas últimas 24 horas foi de 12.566, o que significa um total de 3.901.061 de recuperados desde o início da pandemia.

A África Austral continua a ser região mais afetada, registando hoje um número acumulado de 1.926.620 infetados e 60.670 mortos associados ao contágio com a doença.

A África do Sul, país situado nesta região, é o mais atingido pela covid-19 no continente, registando 1.557.527 casos e 53.256 mortes.

O Norte de África é a segunda zona mais atingida, com 1.286.138 infetados e 36.950 vítimas mortais.

A África Oriental contabiliza 542.862 infeções e 9.709 mortos, enquanto na África Ocidental o número de infeções é de 443.660 e o de mortes ascende a 5.818.

A África Central contabiliza 143.782 casos de infeção e 2.317 óbitos.

O Egito, que é o segundo país africano com mais vítimas mortais, a seguir à África do Sul, regista 12.405 mortes e 209.677 infetados desde o início da pandemia, seguindo-se a Tunísia, com 9.235 óbitos e 270.297 casos de infeção.

Marrocos regista 501.688 casos de infeção acumulados e 8.891 mortes associadas à covid-19.

Entre os países mais afetados estão também a Argélia, com 3.126 mortos e 118.286 infetados, e a Etiópia, com 3.146 vítimas mortais e 227.255 infeções.

Em relação aos países de língua oficial portuguesa, segundo dados apurados pela Lusa, Moçambique registou hoje um acumulado de 791 mortes e 68.758 casos, seguindo-se Angola (553 óbitos e 23.487 casos de infeção), Cabo Verde (178 mortos e 19.005), Guiné Equatorial (104 óbitos e 7.059 casos, sem atualização), Guiné-Bissau (66 mortos e 3.680 casos) e São Tomé e Príncipe (35 mortos e 2.255 casos, sem atualização).

O primeiro caso de covid-19 em África surgiu no Egito, em 14 de fevereiro de 2020, e a Nigéria foi o primeiro país da África subsaariana a registar casos de infeção, em 28 de fevereiro.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.929.563 mortos no mundo, resultantes de mais de 135,3 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Leia Também: Covid-19. África com 3.074 novos casos e 44 mortes nas últimas 24 horas