Início Mundo Covid-19: Ucrânia bate recorde de mortes pelo 3.º dia consecutivo

Covid-19: Ucrânia bate recorde de mortes pelo 3.º dia consecutivo

Segundo com as autoridades de saúde, a Ucrânia registou hoje 16.669 novos casos de infeções e 362 mortes, quebrando os recordes de 333 e 342 mortes registados na terça e quarta-feira passadas.

No início desta semana, o ministro da Saúde, Maksym Stepanov, alertou que a Ucrânia estava a entrar “num período muito difícil”, devido ao débil sistema de saúde a ex-república soviética, um dos países mais pobres da Europa, que luta para controlar a pandemia.

Desde o início da pandemia, o país registou até à atualidade mais de 1,5 milhão de infeções e mais de 31.000 mortes.

A vacinação de seus 40 milhões de habitantes só se iniciou no passado dia 24 de fevereiro, devido a problemas logísticos, mas também por um sentimento anti-vacina generalizado.

A Ucrânia recebeu apenas 500.000 doses da vacina “AstraZeneca“, produzida na Índia e comercializada sob o nome “Covishield“.

As autoridades de Kiev afastaram os temores sobre esta vacina, a única disponível.

O ministro Stepanov disse hoje que a entrega dos restantes lotes da vacina estava atrasada devido a “um problema com a obtenção de autorização do Governo indiano para a exportação” de “Covishield“.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.745.337 mortos no mundo, resultantes de mais de 124,8 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.