Início Notícias Comcast vai investir no acesso universal à Internet nos EUA

Comcast vai investir no acesso universal à Internet nos EUA

Em comunicado, a empresa sediada em Filadélfia (Pensilvânia), indicou que o investimento vai financiar vários projetos, como, por exemplo, a instalação de redes Wi-Fi em centros educativos e comunitários, entregas de computadores a pessoas com menor poder de compra, e subvenções a entidades que promovam oportunidades de emprego nas áreas tecnológica e do empreendedorismo.

A Comcast estima que este investimento a dez anos tenha um impacto total em 50 milhões de norte-americanos.

Desde o democrata Bill Clinton ao republicano Donald Trump, e agora o democrata Joe Biden, que a Casa Branca insiste na necessidade de garantir o acesso universal à Internet a toda a população.

Contudo, ao longo das décadas os avanços têm sido escassos, já que apesar das promessas nunca foram encarados como uma prioridade de qualquer administração.

Esta temática poderá ser uma das poucas que une democratas e republicanos no Congresso, em particular neste período em que polarização entre os dois partidos é cada vez maior e, por arrasto, as bases eleitorais.

A pandemia impôs-se e impôs uma nova realidade, em que o digital passou a ser predominante em várias empresas. Os confinamentos decretados para mitigar a propagação do SARSCoV-2 também levarias várias cidades, como por exemplo São José (Califórnia) e Nova Iorque, a acelerarem os programas de acesso gratuito à internet para estudantes e pessoas com poucos recursos, em colaborações com alguns das principais empresas que providenciam a banda larga.