Início Mundo Mulher condenada à morte por homicídio do marido é executada pela filha

Mulher condenada à morte por homicídio do marido é executada pela filha

Maryam Karimi foi executada 13 anos após ter matado o marido.

A execução foi levada a cabo pela própria filha, que não perdoou a mãe pelo crime.

Segundo o Mirror, Maryam Karimi e o seu pai Ebrahim mataram o marido de Maryam por ser um homem violento e abusivo. Este negava-se a dar-lhe o divórcio e a mulher decidiu matá-lo para acabar com o sofrimento.

As autoridades prenderam-na e acusaram-na de “homicídio premeditado”. A mulher passou mais de uma década presa até à sua execução na semana passada.

O casal tinha uma filha, na altura com seis anos, que nunca perdoou a mãe pelo crime. Foi por isso autorizada a proceder à execução da mãe no passado dia 13 de março, no âmbito de uma lei que permite às crianças vingarem-se dos seus pais em nome da “justiça”.

Leia Também: Irão: Acidente rodoviário matou pelo menos 14 pessoas e fez 11 feridos