Início Notícias Conselho Europeu de Inovação arranca com verba de 1,5 mil milhões

Conselho Europeu de Inovação arranca com verba de 1,5 mil milhões

 

“Lançamos hoje os primeiros apelos a apresentação de projetos 1,5 mil ME para 2021, a maior parte desta verba será canalizada para ajudar diretamente pequenas e médias empresas (PME) e ‘start ups’, pelo menos metade do financiamento irá apoiar o Pacto Ecológico Europeu, as tecnologias digitais e inovação na área da saúde”, disse a líder do executivo europeu, na cerimónia ‘online’ de lançamento do CEI.

Segundo Ursula van der Leyen, o CEI tem até 2027 uma verba prevista de 10 mil milhões de euros para apoiar projetos inovadores, juntando a capacidade de produção científica com a “de fazer dinheiro com a ciência”, somando ainda a capacidade de atrair capital privado.

“Queremos que a Europa avance de uma maneira melhor, mais sustentável, mais digital e mais resiliente”, salientou.

O CEI foi criado em 2018, trabalhando desde então em fase piloto, e já apoiou cinco mil projetos e 159 empresas foram já selecionadas para receber capital de risco da capital, a primeira das quais na área da saúde, disse a líder do executivo comunitário.

“Com o lançamento do CEI, completamos a paisagem da inovação e investigação na Europa”, salientou, rematando com a declaração da “Europa aberta à inovação”.

O Conselho Europeu de Inovação tem como objetivo apoiar inovadores, empresários, PME e cientistas de alto nível e com ambição para desenvolver as suas atividades à escala internacional.

Leia Também: Atraso da AstraZeneca “reduziu velocidade” da vacinação na UE