Início Mundo Covid-19. Espanha regista 4.013 casos e 291 mortes nas últimas 24 horas

Covid-19. Espanha regista 4.013 casos e 291 mortes nas últimas 24 horas

As autoridades sanitárias também contabilizaram mais 291 mortes desde segunda-feira atribuídas à covid-19, passando o total de óbitos para 71.727.

O nível de incidência acumulada (contágios) em Espanha continua a descer, tendo passado de segunda-feira para hoje de 142 para 139 casos diagnosticados por 100.000 habitantes nos 14 dias anteriores.

As regiões com os níveis mais elevados são as de Madrid (232), Astúrias (189), Catalunha (186), País Basco (183), Aragão (157).

Apenas a comunidade autónoma da Extremadura, que faz fronteira com Portugal, tem uma incidência acumulada inferior a 50 casos, mais precisamente 43 casos hoje, o que, segundo a Organização Mundial da Saúde, permite afirmar que a pandemia está “controlada”.

Nas últimas 24 horas deram entrada nos hospitais em todo o país 853 pessoas com a doença (676 na segunda-feira), das quais 188 em Madrid, 172 na Catalunha e 156 na Andaluzia.

Por outro lado, baixou para 9.381 o número de hospitalizados com a covid-19 (9.761), o que corresponde a 8% das camas, das quais 2.358 pacientes em unidades de cuidados intensivos (2.471), 23% das camas desse serviço.

O Ministério da Saúde espanhol e as comunidades autónomas, que têm autonomia em questões sanitárias vão discutir na quarta-feira as medidas comuns para serem aplicadas na Páscoa que foram propostas na semana passada pela Comissão de Saúde Pública.

O projeto prevê, entre outras medidas, o cerco sanitário ao nível das comunidades autónomas, um recolher obrigatório das 22:00 até às 06:00, bem como limitar as reuniões em espaços públicos ou privados a um máximo de quatro pessoas.

As regiões de Madrid e das Canárias parece ser as únicas que se opõem a esse acordo de princípio que precisa agora de ser ratificado pelo Conselho Interterritorial do Sistema Nacional de Saúde.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.593.872 mortos no mundo, resultantes de mais de 116,7 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 16.540 pessoas dos 810.094 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Leia Também: AO MINUTO: Os cuidados antes da vacina. Teletrabalho como “alicerce”? Não