Início Mundo Joe Biden saúda visita "histórica" do Papa ao Iraque

Joe Biden saúda visita "histórica" do Papa ao Iraque

“Ver o Papa Francisco visitar sítios religiosos como a cidade natal de Abraão, passar tempo com o grande aiatola Ali Sistani e orar em Mossoul – uma cidade que, há apenas alguns anos, sofreu a violência e a intolerância de um grupo como o [grupo ‘jihadista] Estado Islâmico – é um símbolo de esperança para o mundo inteiro”, disse Joe Biden.

O Papa viajou para o Iraque na sexta-feira e regressou hoje a Roma, tendo percorrido1.445 quilómetros em território iraquiano, a maior parte do tempo de avião ou de helicóptero sobrevoando zonas onde se encontram células clandestinas de grupos de extremistas islâmicos.

Esta foi a primeira viagem ao estrangeiro de Francisco, em 15 meses, desde o início da pandemia de covid-19 e é também a primeira viagem de um Papa a um país muçulmano de maioria xiita.

Após felicitar “o Governo e o povo iraquiano” pela organização desta visita “monumental”, Biden reiterou a sua “admiração” pelo Papa.

Segundo Presidente católico dos EUA, depois de John F. Kennedy, Biden tem elogiado em particular o compromisso de Francisco com a “tolerância religiosa”.

Leia Também: As imagens (e a mensagem) que marcam a histórica visita do Papa ao Iraque