Início Notícias Motorista de ambulância degola enfermeiro em hospital de Madrid

Motorista de ambulância degola enfermeiro em hospital de Madrid

Um motorista de ambulância, de 38 anos, degolou um enfermeiro, de 41, no Hospital de Alcalá de Henares, em Espanha, sendo que uma infidelidade poderá ter originado o crime. O assassino é noivo de uma enfermeira das urgências que trabalhava no mesmo local da vítima.

O homicida estaria de férias quando, este sábado, se dirigiu ao hospital, em Madrid, para matar o ‘rival’, conta o El Mundo. Já o serviço de emergência da capital espanhola revela que o falecido “trabalhava no hospital” onde foi morto e que a agressão ocorreu “com uma arma branca”. Foram os próprios colegas que o assistiram.

A vítima era delegado sindical da Assembleia do Movimento dos Trabalhadores da Saúde (MATS) e foi identificada como Sérgio L.G. Era divorciado e tinha dois filhos.

Ainda segundo a publicação espanhola, o atacante, fora de serviço, vestiu a sua farda e foi à procura do enfermeiro. Encontrou a vítima na sala de descanso sozinha e ambos envolveram-se numa violenta discussão. Então, o motorista puxou de uma navalha e cometeu o crime.

Foi, posteriormente detido pelos agentes que estavam de serviço no hospital. A unidade de saúde teve de encerrar as urgências.

Ignacio Aguado, vice-presidente do governo da Comunidade de Madrid, foi uma das personalidades que já deu as suas condolências à família do enfermeiro. “As minhas condolências à família e aos mais chegados do enfermeiro do hospital de Alcalá de Henares, infelizmente falecido após ser agredido com faca”, escreveu no Twitter.

Leia Também: Inquérito revela que um em cada três espanhóis chorou devido a pandemia