Início Notícias Guatemala e Chile com alerta de tsunami devido a sismo na Nova...

Guatemala e Chile com alerta de tsunami devido a sismo na Nova Zelândia

A autoridades de proteção civil da Guatemala emitiram o alerta depois de uma “informação recebida” pelo Centro de Alerta de Tsunamis do Pacífico.

O porta-voz da Coordenação Nacional para a Redução de Desastres, David de León, garantiu aos jornalistas, em conferência de imprensa, que o alerta foi emitido por causa do terramoto na Nova Zelândia.

Contudo, o responsável enfatizou que é complicado prever qual vai ser a subida do nível da água do mar.

Em consonância com as autoridades da Guatemala, o Gabinete Nacional de Emergências do Chile emitiu um alerta amarelo para a orla costeira do país, incluindo o território insular, pelo mesmo motivo, apesar de considerar que o risco de tsunami é “menor”.

“Apenas as pessoas que estão na areia, na praia, têm de evacuar. Não é necessário que toda a gente fique nervosa e evacue até aos pontos de encontro, não têm de fazer isso, apenas vamos evacuar as praias”, sublinhou o responsável deste gabinete, Álvaro Hormazabal.

Um alerta de tsunami foi hoje emitido após um sismo de magnitude 8,1 ter sido registado perto das desabitadas ilhas Kermadec, no Pacífico, e que fazem parte da Nova Zelândia, anunciaram as autoridades.

O sismo, que segundo as primeiras informações não causou vítimas, foi precedido por réplicas de 7,4 e 6,9 na mesma região, a 1.000 quilómetros da costa da Nova Zelândia às 08:28 locais (19:28 em Lisboa) e a 19 quilómetros de profundidade,de acordo com o Instituto de Geofísica dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês).

O centro de alerta de tsunamis no Pacífico alertou acerca de ondas potencialmente perigosas na Nova Zelândia, Guam, Tonga, Samoa, Havai, nas ilhas Cook, Fiji, Wallis e Futuna, entre outros.

A Nova Zelândia ordenou a evacuação de algumas áreas.

Horas antes, as autoridades tinham levantado um alerta de tsunami lançado depois de um terramoto de magnitude 6,9 ao longo da costa leste da Nova Zelândia ter sido também registado hoje (sexta-feira no horário local), igualmente sem notícias de vítimas ou danos materiais.

O país do Pacífico sul assinalou recentemente o 10.º aniversário do sismo de magnitude 6,3 em Christchurch, que matou 185 pessoas nessa cidade do sul do país.

Leia Também: Mais um alerta de tsunami na Nova Zelândia após sismo de magnitude 8,1