Início Notícias Vacinas dadas pelo Senegal chegam na próxima semana à Guiné-Bissau

Vacinas dadas pelo Senegal chegam na próxima semana à Guiné-Bissau

“Para a semana vamos receber 10.000 doses de vacinas de oferta do meu amigo e Presidente do Senegal, Macky Sall, a União Africana também nos vai mandar e nós também vamos comprar, estamos a ver onde vamos comprar se à Rússia, à China, à Europa”, afirmou o chefe de Estado.

Questionado pela Lusa sobre que vacina vai ser adquirida pela Guiné-Bissau, Umaro Sissoco Embaló disse que serão “todas as vacinas que estão homologadas pela OMS [Organização Mundial da Saúde]”.

O representante do Banco Mundial em Bissau, Amadou Ba, anunciou no sábado que está a ser preparado um projeto de apoio à vacinação contra a covid-19 na Guiné-Bissau no valor de cinco milhões de dólares (4,1 milhões de euros), que deverá ser aprovado até abril.

A União Europeia já tinha anunciado que a Guiné-Bissau vai receber 144.000 doses da vacina AstraZeneca até ao final de março ao abrigo da iniciativa Covax, que junta vários parceiros internacionais.

Desde que foram detetados os primeiros casos de covid-19 na Guiné-Bissau, em março de 2020, o país já registou mais de 3.260 casos de infeção pelo novo coronavírus e 48 vítimas mortais.

No âmbito do combate à pandemia, o Presidente guineense promulgou no final de fevereiro o estado de calamidade por mais um mês, até 25 de março.

Leia Também: Guiné-Bissau regista mais nove casos