Início Notícias Trump pede sanções para o Twitter, Google e Facebook

Trump pede sanções para o Twitter, Google e Facebook

O ex-Presidente dos EUA, Donald Trump, marcou presença no último dia do Conservative Political Action Conference (CPAC) em Orlando, no estado Florida, onde defendeu que as gigantes tecnológicas devem ser alvo de sanções caso censurem personalidades republicanas.

“Todas as medidas de integridade eleitoral do mundo não significarão nada se não tivermos liberdade de expressão. Se os republicanos podem ser censurados por falarem a verdade e denunciar corrupção, não termos uma democracia e teremos apenas a tirania da esquerda”, afirmou Trump de acordo com o Business Insider.

O ex-Presidente dos EUA afirmou ainda que chegou a altura de “desmantelar os monopólios das grandes tecnológicas”, voltando a defender que as redes sociais devem ser responsabilizadas pelo conteúdo que é partilhado nas suas plataformas.

“Se o governo federal se recusa a agir, então cada estado em que tenhamos votos – que são muitos – devem punir gigantes tecnológicas como o Twitter, a Google e o Facebook com grandes sanções sempre que censurarem vozes conservadoras”, declarou Trump.