Início Notícias Polícia demora três horas a pôr fim a festa com 36 pessoas...

Polícia demora três horas a pôr fim a festa com 36 pessoas em Alicante

A polícia local de Elda, uma província espanhola de Alicante, demorou três horas a conseguir terminar com uma festa ilegal num apartamento arrendado, depois de à chegada das autoridades os jovens se terem escondido. Entre os convidados estavam habitantes locais, bem como jovens vindos de Málaga, na Andaluzia, oito deles menores de idade.

O alerta foi dado por um habitante local, e no exterior da casa, os agentes da polícia viram vários casacos e agasalhos pendurados e conseguiram ouvir a música e o barulho, conta o La Vanguardia. No entanto, quando tocaram à campainha, dois jovens abriram a porta e alegaram estar sozinhos, tendo arrendado a casa por meio de uma plataforma digital.

Perante a recusa dos jovens em permitir a entrada das autoridades, a polícia localizou a dona do apartamento para a informar sobre o que estava a aconteceu. Mas ao chegar ao local, a própria proprietária não foi autorizada a entrar na casa.

Foi então que contactaram a plataforma de arrendamento para cancelar a reserva por violação das condições legais, mas tal só foi feito três horas depois. Após a decisão da plataforma, os agentes entraram no local e acabaram com a festa, tendo contabilizado um total de 36 jovens, oito deles menores, escondidos em vários locais da casa.

Depois de serem devidamente identificados, as autoridades impuseram sanções a todos por incumprimento das medidas de combate à pandemia e alguns deles – os que tinham vindo de Málaga – ainda foram alvo de uma contraordenação por violarem as restrições de circulação, pois não é possível entrar ou sair da Comunidade Valenciana sem uma justificação plausível.

Leia Também: Alto Minho/Galiza. Fecho de fronteiras causa 92 milhões de prejuízos