Início Mundo Comité do prémio Nobel da Paz recebeu 329 candidaturas. Trump incluído

Comité do prémio Nobel da Paz recebeu 329 candidaturas. Trump incluído

As candidaturas, que ficaram abaixo do número recorde de 376 registados em 2016, estão divididas entre 234 indivíduos e 95 organizações, anunciou hoje o Instituto Nobel.

A identidade dos candidatos permanece secreta por pelo menos 50 anos, mas os seus patrocinadores – parlamentares e ministros de todos os países, ex-laureados, alguns professores universitários, entre outros – podem optar por anunciar publicamente o nome dos seus candidatos.

Entre os candidatos conhecidos estão a Organização Mundial da Saúde (OMS), a fundação Vaccine Alliance (Gavi) e a Coligação para Inovação na Reposta a Epidemias, uma organização que tem estado no combate à pandemia de covid-19.

“Tem sido um ano especial, marcado pela pandemia, e teria sido surpreendente se isso não se refletisse na natureza das candidaturas”, comentou o diretor do Instituto Nobel, Olav Njolstad.

Organizações de defesa da liberdade de imprensa, como a Repórteres Sem Fronteiras e o Comité para a Proteção de Jornalistas, opositores políticos como a bielorrussa Svetlana Tikhanovskaia ou o russo Alexei Navalny e o movimento antirracista Black Lives Matter também foram propostos, bem como a jovem ambientalista sueca Greta Thunberg.

Também participam da disputa pelo prémio o ex-Presidente dos Estados Unidos Donald Trump, o seu genro e conselheiro Jared Kushner, o primeiro-ministro israelita Benjamin Netanyahu e o príncipe herdeiro dos Emirados Árabes Unidos, Mohammed bin Zayed Al-Nahyan, todos creditados por promoverem a paz no Médio Oriente, com o seu esforço de reaproximação entre Israel e países do mundo muçulmano.

O facto de serem nomeados para os prémios não significa que estas instituições e pessoas tenham o endosso do Comité do Nobel, que, antes de atribuir o prémio Nobel da Paz, aceita todas as nomeações, desde que tenham sido enviadas antes do prazo final de 31 de janeiro por pessoas autorizadas a fazê-lo.

Outras identidades de candidatos conhecidas incluem a NATO, ativistas pela democracia em Hong Kong, a agência de refugiados da ONU (ACNUR), uma organização que tem por fim banir robôs assassinos e o movimento mundial de escoteiros.

O comité do Nobel, reunido em Oslo, na Noruega, revelará a sua escolha em 08 de outubro.

Em 2020, o Prémio Nobel da Paz foi atribuído ao Programa Alimentar Mundial (PAM), a maior organização humanitária do mundo na luta contra a fome.

Leia Também: Comité Nobel “escandalizado” pela detenção de Aung San Suu Kyi