Início Mundo Boeing 777 aterrou de emergência em Moscovo após problemas no motor

Boeing 777 aterrou de emergência em Moscovo após problemas no motor

Um avião Boeing 777 foi obrigado a fazer uma aterragem de emergência em Moscovo, na Rússia, esta sexta-feira, depois de ter sofrido problemas com o motor.

A companhia aérea estatal Rossiya revelou à AFP que o voo de carga número 4520, que partiu de Hong Kong com destino a Madrid, interrompeu a viagem por precaução depois de descobrir que um dos sensores controlo do motor não estava a funcionar corretamente.

Os rastreadores de voos online confirmam que o voo foi feito com um Boeing 777.

A Rossiya explicou ainda que a paragem não programada foi feita sem incidentes e que não houve feridos a registar. O aparelho vai agora continuar a sua viagem para Madrid depois de um atraso de várias horas.

O incidente ocorre dias depois de um Boeing 777-220 da companhia norte-americana United Airlines, que descolou de Denver, Colorado, com destino a Honolulu, no Hawai, com 231 passageiros e 10 membros da tripulação a bordo, ter sido forçado a regressar ao aeroporto de onde partiu, depois de o motor direito se incendiar em pleno voo. O avião aterrou em segurança no aeroporto de Denver e ninguém ficou ferido.

O regulador norte-americano para a aviação (FAA) ordenou na terça-feira uma inspeção aprofundada das pás dos motores dos Boeing 777, para detetar fissuras, após um incêndio de um motor em pleno voo, no Colorado, no domingo.

Leia Também: Regulador ordena inspeção aprofundada de motores de Boeing 777