Início Notícias Hospital de Cantanhede aumentou número de cirurgias em fevereiro

Hospital de Cantanhede aumentou número de cirurgias em fevereiro

O resultado, segundo o hospital, deve-se à colaboração com o Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC), que envia doentes da lista de espera de cirurgia geral.

“Com este procedimento, foi possível melhorar o acesso dos doentes a cirurgia, bem como rentabilizar a capacidade instalada”, salienta um comunicado enviado à agência Lusa.

A presidente do conselho de administração, Diana Breda, realça que o Hospital de Cantanhede tem como objetivo “intensificar a colaboração com outras unidades hospitalares, sempre numa lógica de complementaridade, bem como melhorar a integração com os cuidados de saúde primários”.

A unidade recebe doentes covid-19 e com outras patologias transferidos de outros hospitais da região, tendo aberto uma nova ala de internamento de Medicina Interna que se traduziu num aumento da capacidade na ordem dos 20%.

Segundo Diana Breda, prevê-se, num futuro próximo, “a criação de mais pontes com os principais agentes da saúde e da comunidade que serão oportunamente anunciadas, promovendo uma cultura participativa e colaborativa entre todos, indo ao encontro do cidadão”.

Desde novembro que se encontra em funcionamento a renovada Zona de Ambulatório, que permitiu a manutenção das consultas externas, do Hospital de Dia e dos exames complementares e de diagnóstico.

O hospital mantém em funcionamento o programa de gestão de visitas, reconhecido mundialmente pelo programa “Beyond the Call of Duty for COVID-19” da Federação Internacional dos Hospitais, permitindo preservar a dignidade da pessoa doente e da família através da manutenção da comunicação entre doentes, família e profissionais.

Leia Também: AO MINUTO: 12.ª Emergência sem mudanças; Espanha sai do risco extremo