Início Mundo Dois manifestantes foram mortos pela polícia em Myanmar

Dois manifestantes foram mortos pela polícia em Myanmar

Dois manifestantes foram mortos este sábado pela polícia em Mandalay, Myanmar, avançam meios de comunicação locais. Vários manifestantes ficaram feridos. A polícia voltou a disparar munições reais durante os protestos deste sábado na segunda maior cidade do país.

Uma das vítimas mortais foi atingida a tiro na cabeça e morreu no local, refere a Frontier Myanmar. A outra vítima mortal foi atingida no peito e morreu a caminho do hospital.

A polícia disparou as munições reais perto da doca de Yadanabon, onde anteriormente já tinham sido disparadas balas de borracha e foi lançado gás lacrimogéneo contra os manifestantes.

As forças de autoridade de Myanmar estão a responder de forma mais violenta e repressiva relativamente aos protestos que pedem o restabelecimento da democracia no país, após o golpe de estado da junta militar no passado dia 1 de fevereiro.

Os generais birmaneses tomaram o poder e detiveram Aung San Suu Kyi, cujo partido National League for Democracy foi democraticamente eleito no escrutínio de novembro do ano passado.

[Notícia em atualização]

Leia Também: Carga policial sobre manifestantes em Myanmar causa seis feridos