Início Mundo Autoridades italianas resgatam 47 migrantes e procuram desaparecidos

Autoridades italianas resgatam 47 migrantes e procuram desaparecidos

 

A operação realizou-se cerca das 03:30 locais (02:30 em Lisboa), com as autoridades a resgatarem os 47 migrantes da água e a acionarem um helicóptero para fazer buscas, já que os sobreviventes referem que há cinco pessoas desaparecidas.

O naufrágio da embarcação onde seguiam os migrantes ocorreu junto à ilha de Lampedusa, tendo os migrantes, cuja origem não foi especificada, sido resgatados para lanchas da guarda costeira e da guarda fiscal italianas.

Em comunicado, as autoridades italianadas assinalam que esta operação de resgate aconteceu ao final de um dia “particularmente intenso, do ponto de vista operacional, devido ao elevado número de embarcações com migrantes” que foram sendo relatados ao longo desta sexta-feira.

Entretanto, o navio ‘Aita Mari’ da Organização Não governamental (ONG) espanhola Salvamento Marítimo Humanitário resgatou esta sexta-feira 102 migrantes, incluindo um bebé e oito mulheres, que aguardam ainda que algum país da União Europeia autorize o seu desembarque.

Malta já recusou o desembarque na ilha e a tripulação do ‘Aita Mari’ espera agora uma resposta das autoridades italianas.

Na sexta-feira, o navio desta ONG ajudou ainda 46 migrantes a bordo de uma embarcação que se encontrava à deriva depois de o motor ter falhado, fornecendo-lhes coletes salva-vidas. Os migrantes acabariam por conseguir ligar o motor e seguiram viagem em direção à costa europeia.